A Pandemia do Coronavírus impôs a todos uma série de desafios  que vão além dos impactos do ponto de vista da saúde, com milhões de pessoas infectadas e milhares óbitos em nosso país. Ao mesmo tempo, a necessidade de implementar ações como o isolamento social contribuiu para o agravamento da crise econômica que, consequentemente, se abateu de forma mais acentuada sobre a população mais pobre.

Os esforços para  o enfrentamento dos efeitos da pandemia requerem ações conjuntas de governos, setor privado e da sociedade civil organizada. Frente aos desafios, empresas, institutos e fundações têm reorganizado seus portfólios de programas e ações na busca da redução do agravamento das vulnerabilidades.

Neste contexto, a Fundação FEAC em parceria com uma rede de Organizações Parceiras organizou uma série de ações visando o combate ao agravamento das vulnerabilidades e  violações de direitos nas periferias de Campinas.

Estrategicamente a FEAC atua em 3 categorias de ações: Emergenciais, Estruturadas e Estratégicas.

 

1• EMERGENCIAIS

Compostas por projetos imediatos de respostas aos efeitos da pandemia.

VEJA MAIS

2• ESTRUTURAIS

Conjunto de projetos e ações focadas na mitigação dos impactos da pandemia na população mais vulnerável.  
VEJA MAIS

3• ESTRATÉGICAS

Pesquisas e estudos que visam subsidiar  as tomadas de decisões no curto prazo e o planejamento institucional de médio e longo prazo.  
VEJA MAIS